Promoção é a solução?

Outro dia estava observando uma conversa entre o meu pai e o cunhado dele, eles falavam sobre empreendedorismo e vendas, e meu pai dizia: “olha se você colocar o produto tal em promoção, você ganha no volume de vendas e as pessoas ainda falarão para outros, atraindo mais público”.

Eu não entrei na conversa, mas fiquei pensando: será mesmo que essa é a solução?

Sempre questiono se essa realmente é a melhor maneira de alavancar as vendas, até porque, para alguns modelos de negócios, isso pode trazer alguns problemas.

Antes de criar uma promoção, o empreendedor deve pensar em várias questões:

  • Quanto será preciso vender de cada item para obter lucro?
  • Qual é a capacidade produtiva do negócio?
  • Quais custos estão envolvidos nessa promoção?
  • A imagem do negócio condiz com promoções repentinas?
  • Como será a entrega desses produtos?
  • Qual será o esforço pré, durante e pós-promoção?

Sei que muitos empreendedores estão sempre na busca de vender mais e aumentar o fluxo financeiro, no entanto, por mais que possa trazer resultados instantâneos, à longo prazo pode gerar contratempos em relação ao cumprimento de prazo, garantia de qualidade de entrega e problemas em relação à imagem do negócio.

É preciso atentar-se, pois alguns empreendimentos, não conseguem trabalhar focados no volume de vendas, principalmente aqueles produzidos artesanalmente, há certa limitação de produção, não é possível competir com indústrias que tem em sua estrutura maquinários e grande equipe, que agilizam toda a cadeia produtiva. E está tudo bem, logo o foco poderá ser, se destacar pela exclusividade de cada item.

Outro ponto que precisa ser analisado, é que algumas promoções vão contra a estratégia de marketing do negócio, que pode estar focada na diferenciação, mas que ao entrar nessas campanhas de vendas confundem seu público e insatisfações.

O medo e a ansiedade, são fatores que levam diversos empreendedores, a lançar campanhas de vendas aleatoriamente.

Não podemos ignorar que todos dependem da venda para sobreviver, porém, para aumentar o faturamento por promoções, é preciso haver planejamento prévio para cada passo dado.

Mas afinal, como é possível criar promoções saudáveis para o negócio?

Primeiro é preciso analisar quais produtos tem margem para promoções. Segundo, é preciso arquitetar promoções que condizem com a comunicação do negócio, ela precisa ser mais agressiva ou não? Terceiro, mas não menos importante, é indicado que haja um calendário de ações, tanto para que o negócio se prepare internamente, quanto para que o cliente comece a compreender em quais períodos essas promoções irão acontecer. 

É possível também, limitar a quantidade de produtos que serão colocamos em promoção, para que o empreendedor tenha certo controle do que deverá ser investido em matéria-prima, com negociações prévias com fornecedores, quanto tempo deverá se dedicar para produzir cada item, e como se dará o processo logístico de entrega.

Resumindo, ao organizar e planejar adequadamente cada ação promocional, o empreendedor se sentirá mais seguro e poderá colher bons frutos.

Agora, vou ali conversar com meu pai sobre promoções e ver se ele quer trabalhar comigo na consultoria.

Publicado por Elisangela Baptista

Ama viagens, lama, trilhas e outras aventuras. Consultora e mentora estratégica em negócios. Aspirante à Escritora. Educadora em Empreendedorismo. Palestrante. Atua na área desde 2004.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: